22 de maio de 2016


Victoria

Victoria, soube do acontecido por intermédio de um amigo. Queria conhece-la melhor para ter uma noção do que dizer, mas te conheço pouco, apesar disso, o que posso dizer é que ainda que doa, se deixa sentir, passa mais rápido quando pensamos constantemente que quando ficamos tentando não lembrar ou negando o sentimento.

Eu imagino a frustração que deve estar sentindo, aqueles planos que fazemos, mesmo que só fiquem na cabeça, toda a vida que planejamos ter do lado da pessoa, passando toda hora varias vezes na mente, é angustiante. 

Por ora ficamos perdidos, e tentando nos encontrar para redescobrirmos quem somos, ou tornar a ser quem éramos. Isso é difícil, até mais por que nos perdemos as vezes só por ter encontrado alguém, apesar de não intencional é um erro que nos custa caro. 

Créditos: Pixabay
A saudade pode ser grande, o orgulho ainda maior, mas quando o bicho pegar diga, fale o que te machuca, se deixe deixar o sentimento ruim. Isso não é se humilhar nem tentar tornar atrás do que foi feito isso é sinceridade é verdade consigo mesma. Se livre daquilo que lhe machuca, daquilo que te tira o sono a noite. 

As vezes precisamos nos perder para então nos encontrarmos, e digo isso por experiência própria, que quando nos encontramos em meio a bagunça dos pensamentos, das angustias, das crises de ansiedade e das músicas da bad, vemos uma versão melhor de nós mesmos, mais fortes, mais belos e mais importante, livres. Que por ora chega a nos assustar.

Créditos: Pixabay
Veja a você mesma, com todos defeitos e qualidades. Essa é você. Victoria, o nome diz tudo. Essa batalha e o caminho a frente são seus, o seu futuro depende só de você e mais ninguém. Te pertence enquanto você viver. Chora! Chora porque assim você coloca para fora aquilo que te faz mal, e lembre- se não há nada de errado em chorar, há erros ao sentir e negar um sentimento. Isso não te faz fraca ou tola garota, te faz humana. 

Você pode não notar, mas a maior riqueza que temos não e dinheiro, beleza ou luxo, são nossos amigos, aqueles que estão do seu lado independente de como ou com quem você esteja. Dificilmente se encontre um amor tão sincero e que não requer nada em troca. Mesmo que essa coisa tenha te roubado o ânimo para tudo, faça as coisas por eles, por aqueles Tcholas que tanto te querem bem e querem te ver andando por aí sorrindo e rindo dessa história toda. 

Créditos: Pixabay
Apesar dos (d)anos a vida segue e levamos as cicatrizes de conflitos passados para a vida, a dor com o tempo se transforma em aprendizado, ela vira sua armadura de batalha e você, sem perceber, faz-se uma guerreira e ainda que queiram, não conseguirão te machucar novamente. Pois essa é você: forte, guerreira, amiga, garota...


Victoria

POSTS SUGERIDOS